Prefeitura de Lages atende 100 ocorrências em 20 bairros

Temporal assustou a população no início da noite deste domingo, 10.

Foto: Prefeitura de Lages

O temporal que assustou a população de Lages no início da noite deste domingo, dia 10, provocou estragos e transtornos em várias partes da cidade. Até as 23h, cerca de 100 atendimentos já haviam sido realizados pela Defesa Civil e demais equipes da Prefeitura.


As principais ocorrências foram relacionadas a alagamentos de ruas, destelhamentos de casas, quedas de muros e árvores, movimentação de massa, erosão em via, enxurrada e inundação. Só os resgates aquáticos foram mais de 30.


No balanço parcial das 23h, já haviam sido registrados problemas em 20 bairros: Araucária, Beatriz, Brusque, Centenário, Centro, Conta Dinheiro, Copacabana, Guarujá, Maria Luiza, Novo Milênio, Passo Fundo, Penha, Sagrado Coração de Jesus, Santa Catarina, Santa Helena, Santa Rita, Santo Antônio, São Francisco, Várzea e São Cristóvão.


Apesar da gravidade da situação, nenhuma pessoa ficou desabrigada, mas havendo a necessidade, a Prefeitura colocará abrigos públicos à disposição. Dados oficiais da Defesa Civil apontam que a velocidade do vento chegou a 68 km/h. Em apenas duas horas, a chuva acumulou 50 milímetros, metade da média de um mês inteiro. O nível do Rio Carahá, que transbordou em alguns pontos, chegou a 3,14 metros.


"O volume de chuva foi fora do normal em pouco tempo e causou inúmeros transtornos. Nossas equipes são extremamente capacitadas para prestar todo o tipo de atendimento. Estamos em alerta 24 horas por dia, com o pessoal nas ruas, e daremos toda a assistência necessária a quem precisar", diz o prefeito Antonio Ceron, que foi pessoalmente à Defesa Civil no início da noite deste domingo para acompanhar a situação. 




Pablo Gomes


Jornalista / SC-01922-JP


Imagens

  • Prefeitura de Lages


EDITORIAS

Copyright © 2015. Todos os direitos reservados | Jornal Nossa Terra